Artigos

Os amino-ácidos isolados e seus benefícios fisiológicos
Por Dr Turibio Leite de Barros e Dra Gerseli Angeli

Os amino-ácidos isolados e seus benefícios fisiológicos

Nas últimas edições do congresso do Colégio Americano de Medicina Esportiva, dentre inúmeras novidades, um dos assuntos que mais vem chamando a atenção é o grande número de trabalhos científicos apresentados sobre os efeitos dos amino-ácidos isolados.

Os benefícios de determinados aminoácidos, estão sendo intensamente investigados e seu uso cada vez mais incorporado nas estratégias da nutrição esportiva. É importante ressaltar mais uma vez que amino-ácidos são nutrientes e não podem ser confundidos com medicamentos ou drogas proibidas pela legislação esportiva.

Nos últimos congressos foram apresentados trabalhos enfatizando principalmente os benefícios de três amino-ácidos: Arginina, Leucina e beta-Alanina.

A arginina é um precursor da síntese do óxido nítrico, que tem um importante papel na regulação do fluxo sanguíneo muscular durante o exercício. A suplementação de arginina apresenta evidências científicas de melhorar a resistência, tanto por proporcionar melhor oxigenação dos músculos, como por proporcionar uma remoção mais eficiente dos metabólitos produzidos durante o exercício.

A Leucina, que é um dos chamados amino-ácidos de cadeia ramificada ou BCAA, acumula cada vez mais evidências de ser um importante nutriente para reparação do dano muscular provocado pelo exercício intenso. Sua suplementação tem uma indicação importante principalmente no pós-exercício, quando a reparação dos micro-traumas é uma das prioridades para o tecido muscular.

A beta-Alanina, talvez seja considerada o amino-ácido com evidências mais recentes. Sua suplementação parece proporcionar um dos efeitos mais esperados pelos praticantes de exercícios. A administração de beta-Alanina aumenta a síntese de carnosina que é um eficiente neutralizador do ácido-láctico. Nos trabalhos apresentados ficou muito evidente o benefício que a suplementação deste nutriente proporcionava, possibilitando significativa melhora de desempenho por capacitar o organismo a utilizar mais energia anaeróbica. Como se sabe, o ácido láctico limita a intensidade do exercício, e sua maior neutralização proporciona um benefício importante para a melhora da performance.

O uso destes recursos nutricionais ergogênicos tende a ser cada vez mais difundido em benefício tanto de quem busca melhora de desempenho físico, quanto para quem busca promoção de saúde pela vida ativa, entretanto, deve ser sempre orientado por um profissional capaz de adequar sua devida indicação.

TURIBIO LEITE DE BARROS NETO

  • Graduação em Biomedicina pela Escola Paulista de Medicina
  • Mestre e Doutor em Fisiologia do Exercício pela EPM UNIFESP
  • Professor Adjunto IV da UNIFESP e Orientador de programas de mestrado e doutorado
  • Fisiologista do São Paulo F.C. 1985-2010
  • Fisiologista da Seleção Brasileira de Futebol 1991-1994
  • Criador do CEMAFE - Centro de Medicina da Atividade FísIca e do Esporte da UNIFESP
  • Coordenador do Curso de Medicina Esportiva UNIFESP 1990 -2012
  • Ganhador do Prêmio Jabuti de literatura em Ciências da Saúde
  • Membro do Colégio Americano de Medicina Esportiva
  • Membro do Conselho Científico da Midway Labs USA

GERSELI ANGELI

  • Graduação em Fisioterapia pela Universidade Metodista de Piracicaba
  • Mestre e Doutora em Fisiologia do Exercício pela EPM UNIFESP
  • Co-orientadora de programas de mestrado e doutorado
  • Fisiologista do Grêmio Barueri 2008-2009 ; 2010-2011
  • Diretora científica do CEMAFE - Centro de Medicina da Atividade FísIca e do Esporte da UNIFESP
  • Sub-coordenadora do Curso de Medicina Esportiva UNIFESP 2001 -2012
  • Membro do Colégio Americano de Medicina Esportiva
  • Membro do Conselho Científico da Midway Labs USA
Como escolher um WHEY PROTEIN?
Como escolher um WHEY PROTEIN?
  • Mar 21, 2017

O Whey Protein é o suplemento mais comercializado no mundo. A escolha do melhor Whey Protein, com a qualidade e as características que seu corpo e seus objetivos exigem, requer atenção a determinadas...

Continue lendo